terça-feira, abril 07, 2009

BASTA DE HIPOCRISIA

A América de sempre e a hipocrisia dos políticos

Afinal em que é que ficamos?
O Senhor Obama, cuja inteligência ninguém pode negar, aproveitando como bom político as circunstâncias criadas pelos erros da administração Bush e a novidade, importante para um mundo mais dependente do racismo do que quer admitir, da presença na Casa Branca de um inquilino que não é propriamente branco, veio à Europa tentar convenecer-nos de que a América tinha mudado. E muita gente acreditou: mérito do tribuno e incapacidade de raciocínio dos ouvintes.
Quanto ao Presidente dos Estados Unidos, ninguém lhe pode levar a mal que monte o seu negócio como lhe sugere o mercado nacional e internacional.
Mas nós, se queremos manter um mínimo de dignidade, não podemos calar-nos com tudo, admitir todas as interferências, inspiradas num paternalismo que nem sequer é sincero: porque o que fica mais claro é que a única coisa que conta para a grande potência americana é o interesse estratégico dos países e das regiões.
Foi por isso que me revoltou, além de outras coisas, ouvi-lo dizer que a entrada ad Turquia na União Europeia facilitaria o diálogo dos países cristãos com as nações islâmicas.
Afinal, a entrada da garnde nação asiática para a comunidade europeia é ou não é uma questão religiosa?
Vai a Europa aceitar que a América a pressione com argumentos deste tipo? A Europa que nem sequer quis que no mal fadado tratado, agora chamado de Lisboa, se fizesse menção das suas raízes cristãs... o que não tinha senão um significado cultural, vai agora alargar a União com motivações de ordem religiosa?
Afinal em que é que ficamos?
Basta de hipocrisia!